CNB e-Sports classifica-se para a semifinal ao derrotar Vivo Keyd em série disputadíssima

Agora na semifinal, CNB e-Sports Club enfrentará o Flamengo eSports no próximo sábado

Por Ricardo Peroto 18 de agosto de 2018 às 20h53 pm Atualizado há 2 anos atrás
CNB e-Sports classifica-se para a semifinal ao derrotar Vivo Keyd em série disputadíssima

CNB vence Vivo Keyd (Foto: Youtube/lolesportsbr)

CNB e-Sports Club e Vivo Keyd se enfrentaram neste sábado (18) em série eliminatória válida pela segunda semana da Escalada do Campeonato Brasileiro de League of Legends. O vencedor foi a CNB pelo acirrado placar de 3 a 2 que avança de fase e enfrenta na semana que vem o Flamengo eSports.

No jogo de abertura da série, o first blood ficou com os blumers depois de um bom gank na rota inferior em cima de “Jockster“. O Arauto aos 12 minutos de jogo permitiu que a CNB derrubasse a torre T1 do meio. Aos 13 minutos de jogo, uma team fight na rota do meio deixou a CNB com duas eliminações abrindo o placar de abates para 7×3. O domínio do jogo começou a se estabelecer ainda mais nas mãos dos blumers depois que garantiram o Dragão das Nuvens aos 14 minutos. Superior, a equipe da CNB seguiu para fazer o Baron aos 22, mas não contaram com a astúcia de “Revolta” que roubou o buff para a Vivo Keyd com seu Nocturne. Apesar de estar com o bônus do Baron, a situação não melhorou para a Vivo Keyd de maneira que pudessem equilibrar a partida, enquanto a CNB continuou pressionando. Prova disso foi aos 27 minutos com a garantia de mais um Dragão, agora o Infernal, por parte dos blumers. O time da CNB rotacionou para fazer o Baron, mas desistiram e partiram para cima da Vivo Keyd que tentou contestar. A vitória na team fight levou a Vivo Keyd a abrir o placar aos 31 minutos de jogo.

No segundo jogo, o first ficou novamente nas mãos da CNB, agora na rota superior com “Revolta” e “Yang” eliminados. O arauto também ficou para os blumers, mas a Vivo Keyd garantiu a destruição da primeira torre da partida aos 11 minutos. Logo em seguida, a Keyd faz uma rotação para a bot lane, onde conseguiu duas eliminações, mas cedeu a torre T1 do meio para seu adversário. Aos 16, “Jockster” se deu bem e conseguiu um triple kill após iniciação por parte inimiga. A LeBlanc de “Jockster” se tornou forte ao ponto de simplesmente “sumir” com Gragas num pickoff aos 17 minutos. A vitória veio aos 29 minutos para a Vivo Keyd que empatou a série. A partida marcou também os 1.000 kills do jogador “Jockster” no CBLoL.

No terceiro confronto da série, mais uma vez a CNB abriu o placar de eliminações e, dessa vez, a vítima foi “micaO“. “Revolta” respondeu logo em seguida com um gank na bot lane e ficou com a kill. A trocação de eliminações e ganks continuou com o jogo bastante equilibrado. Mas, aos 15 minutos de partida, depois de uma team fight os guerreiros garantiram não só quatro eliminações, como também o Arauto, que foi essencial para levar a última torre T1 do jogo. Neste momento, o placar de abates marcava 17 a 10 para a Vivo Keyd que parecia ter tomado o controle da partida. Mas, pouco a pouco e explorando os erros do time adversário a CNB começou a virar o jogo. Aos 20 minutos, os blumers garantiram 2 abates com uma contra iniciação e em seguida, o Baron, aos 21. O buff deu o folego que os blumers precisavam. O jogo foi decidido depois de uma tentativa por parte da Vivo Keyd de obter o buff do Baron aos 31 minutos de jogo. Mesmo em desvantagem numérica, a CNB consegue um ace e abre o dois a um no placar.

Na quarta partida, a primeira eliminação ficou para os guerreiros, com “Yang” sendo abatido logo em seguida, no 1 contra 1. Com um counter gank, a Vivo Keyd consegue duas eliminações na rota superior. A partir daí Vivo Keyd, como no terceiro jogo, passou a tomar a dianteira em dominar a partida. O primeiro bônus de Dragão no jogo, o da Montanha, veio para os guerreiros aos 10 minutos. Mas, no minuto seguinte, a CNB consegue equilibrar a partida ao levarem não só a primeiro torre da como garantirem três abates num vacilo da Keyd. Enquanto isso, “micaO “aproveita a briga na rota superior e leva a torre t2 da bot lane. Depois de uma luta no covil do Dragão, a Vivo Keyd volta a tomar boa vantagem da partida com quatro abates. Os guerreiros conseguem o bônus do Baron aos 20 minutos de jogo, aumentando sua preeminência  que lhes permitiu vencer uma team fight e levar o inibidor da rota do meio aos 25 minutos. O segundo bônus do Baron é conquistado pela Vivo Keyd aos 33 minutos que apenas aproveitou toda a sua vantagem estabelecida durante a partida e venceu, empatando a série mais uma vez.

No jogo decisivo, o first blood ficou para a CNB, como também a primeira torre. Apesar disso, a Keyd consegue a vantagem da partida e aos 30 minutos de jogo amplia ainda mais ela conseguindo três eliminações na roda do meio. O primeiro buff do baron ficou para os guerreiros aos 38 minutos de partida, enquanto a CNB preferiu investir no Dragão que já era o terceiro que obtido no jogo. A escolha foi sábia pois permitiu aos blumers se segurar na partida e conseguir fôlego. Aos 46 minutos, a team fight decisiva terminou melhor para a CNB que seguiu em direção à vitória.

Flamengo eSports e CNB eSports Club farão a semifinal no próximo sábado, dia 25 de agosto, à partir das 13:00 no horário de Brasília. O vencedor enfrentará a Kabum! na grande final.

Comentários

Campeonato Brasileiro de League of Legends - Segundo Split

Pos.TimePontos
paiN Gaming14
INTZ e-Sports12
KaBuM! e-Sports12
Prodigy Esports11

Ver tabela completa

Tier List

LoL Tier List Patch 10.16 – Melhores campeões para jogar no League of Legends

Confira a LoL Tier List Patch 10.16 – Melhores campeões para jogar no League of Legends de League of Legends