Com W.O no primeiro mapa Immortals perde final da DreamHack Montreal

Equipe brasileira chega atrasada para o primeiro jogo da decisão e começa série melhor de três com uma derrota

Por Ricardo Peroto 11 de setembro de 2017 às 13h09 pm Atualizado há 3 anos atrás
Com W.O no primeiro mapa Immortals perde final da DreamHack Montreal

Brasileiros se atrasaram para final (Imagem: HLTV.org)

Após vencer a CLG nas semi-finais, a Immortals chegou a grande decisão da DreamHack Montreal, buscando uma vingança contra a North pela desclassificação no último campeonato, porém uma polêmica acabou marcando a final.

Os brasileiros foram punidos pela organização com uma derrota automática no primeiro mapa graças a um atraso dos jogadores. Já no segundo mapa a equipe dinamarquesa não perdoou e venceu por 16 a 9 na Cobblestone conquistando o título da competição com méritos.

A polêmica só aumentou graças ao tuíte de Steve “Ryu” Rattacasa, treinador da CLG, que acusou os jogadores brasileiros de terem passado a noite festejando e que já haviam se atrasado na semi que foi disputada de manhã, ele disse também que só “steel” e “boltz” chegaram na hora certa.

Em um post no Facebook, “lucas1” desmentiu a história, e culpou a fadiga das viagens como causador do incidente. Segundo o jogador, eles estavam muito cansados e resolveram tirar um ‘cochilo’ de pelo menos 30 minutos, mas acabaram apagando e não conseguiram ouvir o despertador. A organização Immortals ainda não publicou nenhum comunicado sobre o assunto.

O próximo desafio dos brasileiros é na Eleague Premier, na sexta-feira (15).

Comentários